Como o exercício físico melhora eliminação de proteínas tóxicas

Como o exercício físico melhora eliminação de proteínas tóxicas

Publicado por: André Julião, da Agência Fapesp Publicado: 08/01/2019 Visitas: 111 Comentários: 0

Os benefícios que a atividade física traz para a saúde são bem conhecidos, mas os processos celulares responsáveis por esses ganhos só começaram a ficar mais claros há pouco tempo.

Um deles é a relação entre a prática de exercício físico e a prevenção da disfunção muscular. Um tipo bastante frequente de disfunção muscular ocorre quando as células do músculo esquelético —  que compõe a maior parte do corpo humano —  param de receber estímulos.

Isso ocorre, por exemplo, em casos de lesão no nervo isquiático —  geralmente observada em indivíduos que passam muito tempo sentados, como motoristas de ônibus —  ou quando se está acamado por longos períodos. Nesse sentido, intervenções capazes de minimizar ou mesmo reverter a disfunção muscular oriunda da falta de estímulo são necessárias para a melhora da qualidade de vida desses indivíduos.

Um estudo publicado na Scientific Reports por pesquisadores da USP, em parceria com colegas dos Estados Unidos e da Noruega, mostra que a falta de estímulo ao músculo, nesse caso induzida por uma lesão no nervo isquiático em ratos, resulta no acúmulo de proteínas mal processadas dentro das células musculares e consequente prejuízo na função do órgão.

 

Fonte: https://exame.abril.com.br/ciencia/como-o-exercicio-fisico-melhora-eliminacao-de-proteinas-toxicas/

Posts relacionados

Comentários

Escreva o comentário